Links Úteis
Confidencial

Subscrever Newsletter

Cultura & Média

No cinema São Jorge em Lisboa

Festival de Cinema Itinerante da Língua Portuguesa inicia esta terça-feira

Lisboa - O FESTin 2011 - Festival de Cinema Itinerante da Língua Portuguesa tem início hoje, dia 26 de Abril e prolonga-se até 01 de Maio no cinema São Jorge, em Lisboa. Além da exibição de filmes está previsto, a realização de debates, workshops e outras actividades paralelas.

Com o objectivo de fomentar o intercâmbio cultural nos países de língua portuguesa, o FESTin - Festival de Cinema Itinerante da Língua Portuguesa inicia esta terça-feira com diversas atrações que celebram o cinema lusófono.

O filme de abertura é o Lixo Extraordinário, com co-produção brasileira, dirigido por João Jardim, Lucy Walker, e Karen Harley, com produção executiva de Fernando Meirelles. O documentário enfoca o trabalho do artista plástico brasileiro de renome internacional, Vik Muniz, que elaborou obras a partir de sua convivência com os trabalhadores do maior aterro sanitário da América Latina, o Jardim Gamacho, no Rio de Janeiro. O documentário foi nomeado para o Oscar deste ano na categoria de melhor documentário.

A abertura vai contar com a presença do artista plástico Vik Muniz e do realizador João Jardim. O evento que realizar-se-á ás 21:00, no Cinema São Jorge, contará com um cocktail e DJ set após a exibição do filme.

Outras sessões estão previstas antes da abertura com curtas-metragens que começam a ser exibidas a partir das 16h. Dentre elas destaca-se o filme Simpatia do Limão que contará com a presença do realizador, Miguel Oliveira, conta a história de Joana que vai a uma cartomante para que ela traga o seu marido de volta; o curta-metragem Dina, filme moçambicano realizado por Mickey Fonseca,vencedor do Prémio de Melhor Curta-Metragem de África no African Movie Academy Awards 2011; e o curta guineense A pegada de todos os tempos da realizadora Flora Gomes que mostra uma fábula sobre a tradição e a modernidade.

Além de produções brasileiras, moçambicanas e guineenses, também poderão ser vistas produções portuguesas e angolanas neste dia.

Depois de o ano passado o país homenageado ser Moçambique - acabando ser o filme Terra Sonâmbula (2007), de Teresa Prata, a ganhar o grande prémio - esta segunda edição do festival é dedicada a Portugal. Haverá tempo para se homenagear o cineasta português Manoel de Oliveira.

(c) PNN Portuguese News Network

2011-04-26 11:48:59

MAIS ARTIGOS...
  Guiné-Bissau: General da POP na reserva lança livro
  Repórteres Sem Fronteiras publica relatório «Inimigos da Internet»
  Moçambique: Morreu o escultor Naftal Langa
  Tito Paris e Paulo Gonzo estão confirmados para os Cabo Verde Music Awards
  RSF apresenta «Classificação Mundial da Liberdade de Imprensa 2014»
  Rede social «Facebook» comemora dez anos
  «Maghreb/Machrek: Olhares Luso-marroquinos sobre a Primavera Árabe»
  Filme sobre Mandela estreia esta quinta-feira
  Guiné-Bissau: Conferência «Os Media e o Interesse Nacional» decorreu esta quinta-feira
  Reguladores da Comunicação Social da CPLP reúnem em São Tomé
  Agências de notícias de Língua Portuguesa lançam plataforma digital
  UNIOGBIS organiza exposição fotográfica em Bissau

Comentários

Nome:

E-mail:

Comentário:


Comentários
  
CLAUDIO UMARU  2011-04-29 19:00:42
JA VIMOS ALGUM AVANÇO NA VONTADE KE A INFORMAÇAO TEM FEITO PARA NOS INFORMAR,
MAS GOSTARIAMOS DE TER RADIO ONLINE TAL COMO NA IMPRENSA ESCRITA .
FORÇA GUINE



Hospedagem de Sites Low CostJornal Digital Cabinda Digital Timor Digital Luanda Digital Jornal de São Tomé Cabo Verde Maputo Digital
Notícias grátis no seu site Recrutamento Estatuto editorial Ficha técnica Contactos Publicidade Direitos autorais