Links Úteis
Confidencial

Subscrever Newsletter

Internacional

Bastonário da Ordem dos Advogados

Polisário convida Marinho Pinto a visitar acampamentos de refugiados sarauís

Lisboa - «A questão do Sara Ocidental, para além do aspecto político é uma questão humanitária» disse o bastonário da Ordem dos Advogados (OA) português, Marinho Pinto, num encontro com o representante da República Árabe Sarauí Democrática (RASD) em Lisboa, Ahmed Fal.

O encontro decorreu a 22 de Março na sede da Ordem dos Advogados, em Lisboa, onde o novo representante da RASD foi recebido pelo bastonário a quem fez um balanço da situação sobre a violação dos Direitos Humanos e da «espoliação» dos recursos naturais nos territórios do Sara Ocidental ocupados por Marrocos.

Marinho Pinto manifestou a intenção da OA em cooperar com a RASD na defesa dos Direitos Humanos e defendeu a criação de uma organização ibérica de juristas observadores dos julgamentos em Marrocos dos activistas sarauís.

Na mesma ocasião Ahmed Fal convidou Marinho Pinto a deslocar-se aos acampamentos de refugiados na região de Tindouf (sudoeste argelino), a fim de se inteirar no terreno de vários aspectos da realidade sarauí.

Ahmed Fal foi nomeado representante da RASD em Portugal em Dezembro de 2011 durante o XIII congresso da Frente Polisário realizado em Tifariti no Sara Ocidental «libertado».

(c) PNN Portuguese News Network

2012-03-27 13:44:02

MAIS ARTIGOS...
  Cabo Verde: MpD fala em «sentimento de frustração» entre os cidadãos
  Líbia: Filho de Kadhafi condenado à morte
  Cabo Verde: Central elétrica do Palmarejo vai ter a capacidade aumentada
  China: Mulher morre depois de salvar o filho em escadas rolantes num centro comercial
  Cabo Verde: Ministro da Educação de Portugal assina protocolo de cooperação na área da Medicina
  Ucrânia: Partidos comunistas proibidos de exercer actividade política
  IKEA lança aviso depois de morte de duas crianças nos EUA
  Novo naufrágio no Mediterrâneo causa cerca de 40 vítimas
  Moçambique: Frelimo quer desarmamento urgente e incondicional da Renamo
  Casa Branca na fase final para encerrar Guantánamo
  Cabo Verde: Governo não se pronunciou sobre munições descobertas no bairro da Calabaceira
  Birmânia: Mais de 150 chineses condenados a perpétua por corte ilegal de madeira

Comentários

Nome:

E-mail:

Comentário:



Hospedagem de Sites Low CostJornal Digital Cabinda Digital Timor Digital Luanda Digital Jornal de São Tomé Cabo Verde Maputo Digital
Notícias grátis no seu site Recrutamento Estatuto editorial Ficha técnica Contactos Publicidade Direitos autorais