Links Úteis
Confidencial

Subscrever Newsletter

Economia

EMCOCI

Guiné-Bissau: Construtora portuguesa faz a reabilitação da Praça dos Mártires de Pindjiguiti

Bissau – A Empresa de Construção Civil (EMCOCI), de Portugal, vai executar as obras de construção e reabilitação da Praça dos Mártires de Pindjiguiti, na Avenida 3 de Agosto.

Para este efeito, o secretário de Estado da Administração e Ordenamento do Território, Abu Camará, presidiu esta quinta-feira, 14 de Maio, à cerimónia de lançamento da primeira pedra para construção da referida praça, cujas obras têm um horizonte temporal de dois meses e meio.

Em declarações à PNN, o governante destacou a importância de reabilitação e requalificação de lugares públicos ao nível da capital, tendo anunciado algumas alterações em termos de aspectos originais deste lugar já em estado avançado de degradação.

Para o Presidente da Câmara Municipal de Bissau, Adriano Ferreira, trata-se do desenvolvimento urbano da cidade, com as obra já em curso na histórica Praça dos Martiries de Pindjiguiti.

Neste sentido, o responsável máximo da autarquia de Bissau informou que os próximo passos serão o Bissau Velho, que terá igualmente uma intervenção através da calçada portuguesa.

«Vai ser embelezado porque já nos movimentámos para fazer trabalhos ao nível da capital, como foi na Praça Titina Sila, em Bissau Velho vai ser utilizada calçada portuguesa numa zona, com intensas actividades de lazer e gastronomia», disse Ferreira.

Além desta localidade, o Presidente da Câmara Municipal de Bissau falou do início das obras antes do final de 2015, com a intervenção da sua instituição no Jardim em frente ao Comissariado Nacional da Polícia de Ordem Publica, Jardim da Meteorologia, Rotunda da 2.ª Esquadra e construção de infra-estruturas habitacionais na zona de Bra, Antula Bono e Antula.

Por outro lado, o edil de Bissau falou das obras de construções da nova paragem da cidade, dizendo haver dificuldades devido à construção clandestina de casas, tendo informado que em Bra a Câmara Municipal de Bissau tem indicações de um lugar onde vai ser criado um posto de venda de gado doméstico.

Para Júlio Miguel, Administrador da EMCOCI, a sua instituição vai trabalhar em turnos para recuperar as duas semanas perdidas, para que as obras possam ser realizadas até 30 de Julho.
De acordo com Júlio Miguel, trata-se de uma obra com uma área de 16 metros quadros, que vai concluir este trabalho com muitas melhorias.

(c) PNN Portuguese News Network

2015-05-14 14:07:20

MAIS ARTIGOS...
  Guiné-Bissau: Ministro das Finanças confirma crescimento económico do país
  Royal Air Maroc recruta jovens guineenses como assistentes de bordo
  Guiné-Bissau: População de Varela ameaça boicotar reunião com empresa Poto
  Guiné-Bissau: Governo pretende elaborar orçamentos realistas
  Guiné-Bissau: Governo confirma moratória de cinco anos para corte de madeiras
  Guiné-Bissau vai beneficiar por ser um dos Países Menos Avançados
  Barcos com cadávares dão à costa do Japão
  Guiné-Bissau: Banco Mundial revê despesas na Defesa e Segurança
  Hollande e Putin juntam-se para analisar em Moscovo ofensiva ao EI
  Governo assina com BAD acordos de financiamento de 19 mil milhões de Francos Cfa
  Guiné-Bissau: Governo disponibiliza mais mil milhões de Francos Cfa para financiar micro créditos
  Guiné-Bissau disposta a receber propostas de investimentos chineses

Comentários

Nome:

E-mail:

Comentário:



Hospedagem de Sites Low CostJornal Digital Cabinda Digital Timor Digital Luanda Digital Jornal de São Tomé Cabo Verde Maputo Digital
Notícias grátis no seu site Recrutamento Estatuto editorial Ficha técnica Contactos Publicidade Direitos autorais