Links Úteis
Confidencial

Subscrever Newsletter

Sociedade

Apreensão de materiais

Guiné-Bissau: Guarda Nacional deteve suspeitos de exploração ilegal de madeira

Bissau – O Comando do Grupo Territorial N.º 4 da Guarda Nacional, com sede em Buba, região de Quinara, sul do país, procedeu dia 23 de Junho, na povoação de Bolola, Sector de Quebo região de Tombali, à apreensão de uma quantidade considerável de madeiras e materiais em situação de exploração ilegal.

A Notícia foi avançada à PNN pelo Comando Geral da Guarda Nacional, tendo adiantado que, a par desta apreensão, também foram detidos os supostos autores e as pessoas envolvidas nesta prática, que apesar de o Governo ter decretado numa das suas reuniões do Conselho de Ministros a moratória de cinco anos, pondo o fim ao corte ilegal de madeiras na Guiné-Bissau, esta realidade ainda persiste em algumas regiões do país, com pessoas envolvidas no corte de madeiras.

De acordo com o Comando Geral da Guarda Nacional, entre os materiais apreendidos constam motosserras, motorizadas, uma espingarda de calibre 12 de dois canos, catanas e martelos.
Ainda no âmbito da operação, 18 troncos de madeira foram abatidos pelos autores desta prática ilegal, dos quais dez já tinham sido transformados em madeira nesta localidade sul do país.

Entre os suspeitos da iniciativa, algumas pessoas foram identificadas com o nome de Mamadu Saliu Balde, como autor, Rachide Balde, operador de máquinas, um dos filhos do autor desta iniciativa, de nome Sama Saliu Balde, bem como Aladje Balde, cujo papel que terá desempenhado não foi identificado pelas autoridades em Buba.

Uma fonte da Guarda Nacional disse à PNN que neste momento se assiste, em certas partes do interior do país, a uma elevada pressão de pessoas que a todo o custo tentam violar o período de cinco anos decretado pelo Governo para o não abate das matas.

Preocupado com esta realidade nos últimos três anos na Guiné-Bissau, o Instituto de Biodiversidade e das Áreas Protegidas (IBAP) em colaboração com o Instituto Nacional de Saúde Pública (INASA), organiza, no final de Junho, uma conferência nacional sobre exploração e corte abusivo de florestas nos últimos anos na Guiné-Bissau.

(c) PNN Portuguese News Network

2015-06-25 15:23:37

MAIS ARTIGOS...
  Mau tempo no Instituto de Meteorologia
  Governo garante que enfermeiros vão receber onze meses de salários em atraso
  Intoxicação alimentar provocou a morte de duas pessoas em Suzana
  Crise Política cada vez mais agudizada
  Está controlado o surto de diarreia
  Governo reforça medidas contra a pesca ilegal
  Ex-Chefe adjunto da contra inteligência militar condenado a 10 anos de prisão
  Ex-administrador da SAD do União de Leiria recapturado na Gâmbia
  Presumíveis agressores do Ministro Orlando Mendes Veigas vão ser julgados
  Comissário Nacional da Polícia da Ordem Publica exonerado
  Guiné-Bissau em risco de colapso da capacidade de resposta judiciária
  MAI disponibiliza mais de 1.300 homens para garantir a segurança no Natal e Ano Novo

Comentários

Nome:

E-mail:

Comentário:



Hospedagem de Sites Low CostJornal Digital Cabinda Digital Timor Digital Luanda Digital Jornal de São Tomé Cabo Verde Maputo Digital
Notícias grátis no seu site Recrutamento Estatuto editorial Ficha técnica Contactos Publicidade Direitos autorais