Links Úteis
Confidencial

Subscrever Newsletter

Internacional

Cameron vai apresentar plano ao Parlamento

Reino Unido junta-se à França no ataque ao Estado Islâmico

Paris - O chefe do Governo britânico, David Cameron, defendeu esta segunda-feira em Paris, que o Reino Unido deve juntar-se à França no combate ao auto-proclamado Estado Islâmico (EI) e começar a bombardear as posições na Síria do grupo extremista.

Numa curta declaração em conjunto com o Presidente francês, François Hollande, o primeiro-ministro britânico disse acreditar «com firmeza» que o seu país deve envolver-se nos ataques aéreos na Síria, para além da intervenção que já tem no Iraque.

«Apoio firmemente a decisão do Presidente Hollande de atacar o EI na Síria. O Reino Unido deve fazer o mesmo», declarou David Cameron. «Faremos tudo ao alcance do nosso poder para apoiar o nosso amigo e aliado francês para vencer esta ameaça demoníaca», garantiu.

Cameron avançou que vai apresentar ao Parlamento um «plano abrangente» sobre a estratégia do Reino Unido em relação à presença do Estado Islâmico na Síria. Esse plano deverá ser apresentado até ao final da semana e a Câmara dos Comuns deverá depois votar a proposta o mais tardar até ao início da próxima semana.

Depois de se reunir com David Cameron, Hollande parte para Washington, onde irá reunir-se na terça-feira com o Presidente dos EUA, Barack Obama.

Na quarta-feira receberá em Paris a chanceler alemã, Angela Merkel. Na quinta-feira estará em Moscovo, para dialogar com o Presidente da Rússia, Vladimir Putin, e no domingo chegará a Pequim, onde vai falar com o Presidente chinês, Xi Jinping.

(c) PNN Portuguese News Network

2015-11-23 15:27:39

MAIS ARTIGOS...
  UE e Turquia reúnem-se para analisar distribuição de refugiados
  Suíça divulga lista de contas inactivas sem herdeiros
  EUA: Escolas reabrem em Los Angeles
  Arábia Saudita lidera coligação de países islâmicos para combate ao terrorismo
  Merkel põe restrições à entrada de refugiados na Alemanha
  Professor esfaqueado em Paris indivíduo que invocou o Estado Islâmico
  Estado Islâmico dirige-se ao interior da Líbia «por causa do petróleo»
  Mulheres sauditas vão votar pela primeira vez este sábado
  Coreia do Norte: Kim Jong-un confirma que país tem bomba de hidrogénio
  Angela Merkel foi eleita «personalidade do ano» pela revista Time
  Identificado terceiro terrorista do ataque ao Bataclan em Paris
  EUA: Depois do ataque na Califórnia Obama promete destruir o DAESH

Comentários

Nome:

E-mail:

Comentário:



Hospedagem de Sites Low CostJornal Digital Cabinda Digital Timor Digital Luanda Digital Jornal de São Tomé Cabo Verde Maputo Digital
Notícias grátis no seu site Recrutamento Estatuto editorial Ficha técnica Contactos Publicidade Direitos autorais