Links Úteis
Confidencial

Subscrever Newsletter

Sociedade

Liberdade de imprensa

Guiné-Bissau: Sedja Mam suspendeu debate radiofónico na Rádio Difusão Nacional

Bissau – O recém-nomeado Procurador-geral da República, António Sedja Mam, mandou suspender esta sexta-feira 4 Dezembro o debate radiofónico habitualmente difundido aos sábados na Rádio Difusão Nacional (RDN).

Numa carta ao Director-geral da RDN, Muniro Conte, de 4 de Dezembro que a PNN consultou, António Sedja Mam justificou a medida com base na alegada situação política e social que a Guiné-Bissau vive actualmente.

“Tendo em vista a situação política e social que se vive no país, de que todos somos cientes, zelando pela ordem, paz, estabilidade, segurança institucional que se queira com o país, quer do ponto de vista interno, quer de ponto de vista externo”, lê-se na carta. Por outro lado, António Sedja Mam destacou que a decisão visa também assegurar e salvaguardar os valores éticos e superiores anteriormente referidos.

Também, o Procurador-geral notificou o Director-geral da RDN, Muniro Conte, a comparecer esta terça-feira 8 de Dezembro na Procuradoria-geral da República, no seu Gabinete para “um encontro de trabalho”, tal como qualificou Sedja Mam.

No entanto o debate semanal da RDN teve mesmo lugar este sábado 5 de Dezembro, sem que tivesse ocorrido alguma interrupção. Fontes na RDN qualificaram a decisão de Sedja Mam como um autêntico “atentado a liberdade de imprensa na Guiné-Bissau”.

(c) PNN Portuguese News Network

2015-12-08 15:56:38

MAIS ARTIGOS...
  Mau tempo no Instituto de Meteorologia
  Governo garante que enfermeiros vão receber onze meses de salários em atraso
  Intoxicação alimentar provocou a morte de duas pessoas em Suzana
  Crise Política cada vez mais agudizada
  Está controlado o surto de diarreia
  Governo reforça medidas contra a pesca ilegal
  Ex-Chefe adjunto da contra inteligência militar condenado a 10 anos de prisão
  Ex-administrador da SAD do União de Leiria recapturado na Gâmbia
  Presumíveis agressores do Ministro Orlando Mendes Veigas vão ser julgados
  Comissário Nacional da Polícia da Ordem Publica exonerado
  Guiné-Bissau em risco de colapso da capacidade de resposta judiciária
  MAI disponibiliza mais de 1.300 homens para garantir a segurança no Natal e Ano Novo

Comentários

Nome:

E-mail:

Comentário:



Hospedagem de Sites Low CostJornal Digital Cabinda Digital Timor Digital Luanda Digital Jornal de São Tomé Cabo Verde Maputo Digital
Notícias grátis no seu site Recrutamento Estatuto editorial Ficha técnica Contactos Publicidade Direitos autorais