Links Úteis
Confidencial

Subscrever Newsletter

Sociedade

Ministério da Administração Interna

MAI disponibiliza mais de 1.300 homens para garantir a segurança no Natal e Ano Novo

Bissau – O Comissário Nacional Adjunto para a área de Operações e Segurança anunciou esta segunda-feira 21 de Dezembro que o Ministério da Administração Interna (MAI) já colocou desde domingo já colocou mais de 1.300 homens para assegurarem as festas de Natal e Ano Novo.

Segundo Celso de Carvalho a referida força vai ser composta pela Polícia de Ordem Pública, militares da Guarda Nacional, Forças Armadas, Serviço Nacional de Protecção Civil e Bombeiros com apoio da Força da ECOMIB em Bissau, e vão ser colocados em todo o território nacional.

Preocupado com as cenas de violência que se verificam durante esta quadra, Celso de Carvalho pediu a colaboração da população com as forças de ordem e advertiu que qualquer pessoa detida durante a operação Natal Novo Ano, permanecerá prisão até à primeira semana do mês de Janeiro 2016.

A proibição de uso telemóveis durante a condução, conduzir em estado embriaguez, a obrigação de ter documentos de identificação assim como impedir as construções improvisadas de barracas susceptíveis de inflamação constam entre outras chamadas de atenção por parte das autoridades polícias nesta quadra festiva.

O oficial da polícia adiantou ainda que o Governo perspectiva assinalar passagem do ano novo com fogo-de-artifício junto à Praça dos Heróis Nacionais.

(c) PNN Portuguese News Network

2015-12-21 18:11:32

MAIS ARTIGOS...
  Mau tempo no Instituto de Meteorologia
  Governo garante que enfermeiros vão receber onze meses de salários em atraso
  Intoxicação alimentar provocou a morte de duas pessoas em Suzana
  Crise Política cada vez mais agudizada
  Está controlado o surto de diarreia
  Governo reforça medidas contra a pesca ilegal
  Ex-Chefe adjunto da contra inteligência militar condenado a 10 anos de prisão
  Ex-administrador da SAD do União de Leiria recapturado na Gâmbia
  Presumíveis agressores do Ministro Orlando Mendes Veigas vão ser julgados
  Comissário Nacional da Polícia da Ordem Publica exonerado
  Guiné-Bissau em risco de colapso da capacidade de resposta judiciária
  Guiné-Bissau: Brasil prevê formar mais de 300 agentes das forças de segurança até ao final de 2016

Comentários

Nome:

E-mail:

Comentário:



Hospedagem de Sites Low CostJornal Digital Cabinda Digital Timor Digital Luanda Digital Jornal de São Tomé Cabo Verde Maputo Digital
Notícias grátis no seu site Recrutamento Estatuto editorial Ficha técnica Contactos Publicidade Direitos autorais