Links Úteis
Confidencial

Subscrever Newsletter

Sociedade

Reivindicações são suspensas

Governo garante que enfermeiros vão receber onze meses de salários em atraso

Bissau - Depois de onze meses de salários em atraso e dos vários pedidos junto ao Ministério da Saúde Pública não serem atendidos, os profissionais de saúde, colocados em nos finais de 2014, apresentaram, esta terça-feira, 22 de março, a sua situação ao primeiro-ministro Carlos Correia.

À saída do encontro com o primeiro-ministro, o porta-voz de grupo, Marco Teixeira disse à imprensa que o chefe do governo prometeu levar em conta as suas reivindicações. Com as garantias expressas pelo chefe de executivo, o grupo decidiu suspender as reivindicações promovidas desde há duas semanas.

Adão Ramalho

(c) PNN Portuguese News Network

2016-03-25 19:05:22

MAIS ARTIGOS...
  Mau tempo no Instituto de Meteorologia
  Intoxicação alimentar provocou a morte de duas pessoas em Suzana
  Crise Política cada vez mais agudizada
  Está controlado o surto de diarreia
  Governo reforça medidas contra a pesca ilegal
  Ex-Chefe adjunto da contra inteligência militar condenado a 10 anos de prisão
  Ex-administrador da SAD do União de Leiria recapturado na Gâmbia
  Presumíveis agressores do Ministro Orlando Mendes Veigas vão ser julgados
  Comissário Nacional da Polícia da Ordem Publica exonerado
  Guiné-Bissau em risco de colapso da capacidade de resposta judiciária
  MAI disponibiliza mais de 1.300 homens para garantir a segurança no Natal e Ano Novo
  Guiné-Bissau: Brasil prevê formar mais de 300 agentes das forças de segurança até ao final de 2016

Comentários

Nome:

E-mail:

Comentário:



Hospedagem de Sites Low CostJornal Digital Cabinda Digital Timor Digital Luanda Digital Jornal de São Tomé Cabo Verde Maputo Digital
Notícias grátis no seu site Recrutamento Estatuto editorial Ficha técnica Contactos Publicidade Direitos autorais